DESTAQUES

CBF publica Regulamento Geral de Competições 2015

Eu Sou Goiás



CBF - A CBF, através da Diretoria de Competições, publica hoje em definitivo o Regulamento Geral de Competições 2015, decorridos os 15 dias da publicação original previstos na Lei 10.671/03 (Estatuto do Torcedor).

A CBF, que com o presidente José Maria Marin e o presidente eleito Marco Polo Del Nero, tomou a iniciativa de criar o fairplay financeiro, reafirma a sua intenção de publicar, através de regulamentos específicos de competições ou resoluções de presidência, normas em que os clubes, em caso de não cumprimento, possam sofrer sanções, obedecendo o que dispõe o artigo 105 e seu parágrafo único, reproduzidos abaixo.

 Art. 105 – A CBF publicará, através dos regulamentos específicos de competições ou resolução da Presidência, normas sobre fairplay (jogo limpo) financeiro e trabalhista que estabeleçam requisitos e responsabilidades, visando ao saneamento fiscal e financeiro dos clubes, que ficarão obrigados a cumpri-las, sob pena de sofrerem as pertinentes penalidades desportivas.

Parágrafo único: O cumprimento estrito de tais normas, com a adoção de padrões gerenciais que resguardem o equilíbrio econômico-financeiro e competitivo dos clubes, é condição essencial para assegurar às agremiações o direito de participação nas competições, bem como a manutenção dos pontos e classificação conquistados.



Anexos
Ofício Regulamento Geral de Competições 2015
Regulamento Geral de Competições 2015














CBF

Wagner Lopes é o novo treinador do Goiás

Wagner Lopes é o novo técnico do Goiás
Gazeta Press



Técnico Wagner Lopes - A diretoria do Goiás Esporte Clube comunica que o clube tem uma nova comissão técnica para a temporada 2015, o treinador será Wagner Lopes. Ele chega ao Verdão acompanhado de seu auxiliar, Sandro Rosa, do preparador físico Benedito Lima e do analista de desempenho Rafael Cotta. A data de apresentação de Wagner ainda não foi definida.

Wagner Lopes nasceu em Franca, interior de São Paulo, e tem 45 anos. Como jogador defendeu o São Paulo na década de 80, depois seguiu para o Japão onde atuou em sete equipes, entre elas o Kashiwa Reysol, depois se naturalizou japonês e defendeu a seleção nacional na Copa do Mundo de 1998, na França.

Como treinador começou sua carreira no Paulista de Jundiaí e trabalhou em outras equipes do interior de São Paulo, até que, na temporada de 2014, acertou sua ida para o Criciúma e, por último, no Atlético Goianiense.

Ficha técnica:

Nome: Wagner Augusto Lopes

Data de nascimento: 29/01/1969 (45 anos)

Naturalidade: Franca (SP)

Clubes como jogador: São Paulo, Yokohama Marinos (JAP), Kashiwa Reysol (JAP), Honda (JAP), Bellmare Hiratsuka (JAP), Nagoya Grampus (JAP), FC Tokyo (JAP) e Avispa Fukuoka (JAP).

Clubes como treinador: Paulista, Pão de Açúcar, Gamba Osaka (JAP) – assistente, Comercial de Ribeirão Preto, São Bernardo, Botafogo-SP, Criciúma e Atlético Goianiense.
















Goiás Esporte Clube

Confrontos da primeira fase definidos


Divulgação - CBF




Copa do Brasil 2015 - A Diretoria de Competições da CBF realizou nesta terça-feira um sorteio com a dimensão que a Copa do Brasil merece. Planejado nos mínimos detalhes, o sorteio, que aconteceu na sede na entidade, proporcionou confrontos que vão mexer com o futebol no país.

Os 80 clubes foram divididos em dois grupos de 40 equipes. O critério para a divisão foi o Ranking Nacional de Clubes. Em duplas, eles foram subdivididos em quatro blocos com 10 em cada. Daí, bolinha a bolinha, eram definidas as posições de cada time no diagrama da tabela.

Após mais de 40 minutos de sorteio, sem mais delongas, eis os confrontos:

CHAVE 1 (lado esquerdo)

Palmeiras X Vitória da Conquista/BA

Sampaio Correa/MA x Estrela do Norte/ES

Vitória/BA x Anapolina/GO

ASA/AL x São Raimundo/RR

Botafogo/RJ x Botafogo/PB

Caxias/RS x Capivariano/SP

Figueirense/SC x Princesa de Solimões/AM

Avaí/SC x Operário/MT

Santos/SP x Londrina/PR

Madureira/RJ x Maringá/PR

Sport/PE x CENE/MS

Chapecoense/SC x Interporto/TO

Flamengo/RJ x Brasil de Pelotas/RS

Salgueiro/PE x Piauí/PI

Náutico/PE x Brasília/DF

Paraná/PR x Jacuipense/BA

Goiás/GO x Santo André/SP

Icasa/CE x Independente/PA

Portuguesa/SP x Santos/AP

Joinville/SC x Ituano/SP

CHAVE 2 (lado direito)

Coritiba/PR x Villa Nova/MG

Fortaleza/CE x Ríver/PI

Ponte Preta/SP x Vilhena/RO

Boa Esporte/MG x Moto Club/MA

Vasco da Gama/RJ x  Rio Branco/AC

Cuiabá/MT x Murici/AL

Atlético Goianiense/GO x Coruripe/AL

América/RN x Globo/RN

Atlético Paranaense/PR x  Remo/PR

Tupi/MG x Alecrim/RN

Ceará/CE x Confiança/SE

América/MG x Luiziânia/DF

Grêmio/RS x Campinense/PB

CRB/AL x Amadense/SE

Criciúma/SC x Atlético/AC ou Real Noroeste/ES

Bragantino/SP x Lajeadense/RS

Bahia/BA x Nacional/AM

Luverdense/MT x Cabofriense/RJ

ABC/RN x Boavista/RJ

Paysandú/PA x Águia Negra/MS





















CBF

Sorteio da Copa do Brasil será amanhã, às 11horas, na CBF. Ao vivo na CBF TV

Divulgação CBF - Montagem Eu Sou Goiás



Copa do Brasil 2015 - O pontapé inicial para a competição de maior dimensão nacional - 86 clubes participantes - será dado amanhã, às 11 horas, no auditório da sede da CBF, com o sorteio da primeira fase da Copa do Brasil 2015.

Nesta primeira fase, 80 clubes serão divididos em 10 grupos de oito. A exemplo do que ocorreu em 2014, as equipes participantes da Libertadores da América - Cruzeiro, São Paulo, Internacional, Corinthians e Atlético Mineiro - e mais o Fluminense, sexto lugar no Brasileirão deste ano, entram na Copa do Brasil já nas oitavas de final.

A Copa do Brasil, criada em 1989, tem atualmente representantes dos 26 estados brasileiros e mais do Distrito Federal.

Veja no documento abaixo os critérios estabelecidos para o sorteio de amanhã.

Anexos















CBF

Futsal conquista título do Campeonato Goiano

Divulgação - Goiás Esporte Clube



Campeonato Goiano de Futsal 2014 - O Campeonato Goiano de Futsal chegou ao fim com o Goiás conquistando dois títulos em 2014, na categoria adulta e Sub-17. No último final de semana, a equipe adulta venceu o São Simão por 6 a 3, com gols de João Jairo (2), Matheus (2) e Rodrigo Vieira, e conquistaram o título para a equipe esmeraldina.

Com esse título, a equipe adulta se consagrou tetracampeã goiana (2011 a 2014), graças ao trabalho da comissão técnica e da dedicação total dos atletas. Além disso, os atletas Humberto Freitas, Vinicius Medeiros, Matheus Medeiros e Vinícius Pereira contribuíram de forma expressiva para essa conquista.

O Goiás Esporte Clube, com esse título conquistado, irá participar da Taça Brasil de Clubes Campeões e da Liga Centro-Oeste de Futsal em 2015.










Goiás Esporte Clube

Cirino vence o GP Crystal e Totti conquista o Bicampeonato

Divulgação - Fórmula Truck




Fórmula Truck 2014 - Líder da temporada desde a primeira etapa, Leandro Totti conquistou o título de 2014 do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck. O paranaense da RM Competições, piloto de um Volkswagen-MAN, alcançou seu segundo título com o segundo lugar na décima e última etapa, neste domingo (7) em Goiânia (GO). A vitória no Autódromo Internacional Ayrton Senna foi do também paranaense Wellington Cirino, piloto do Mercedes-Benz da ABF-Santos.

Totti dependia de um sexto lugar para ser campeão. A ameaça ao título vinha do paulista Felipe Giaffone, seu companheiro de equipe, que conquistou a pole position para a etapa goiana. Vice-líder da temporada, o tricampeão viu suas chances de igualar o tetracampeonato de Cirino acabarem ainda no início da prova, com problemas no câmbio que o levaram aos boxes – a equipe ainda tentou a troca do componente com a corrida em andamento.



“O título já estava dentro da equipe, que fez um excelente trabalho com os dois caminhões, tanto o Felipe quanto eu tivemos um equipamento bom o bastante para pensar em título”, destacou Totti na entrevista aos jornalistas após a comemoração no pódio. “O Felipe era mais rápido no seco, era favorito. Com a chuva eu comecei a ficar preocupado, porque na chuva tudo vira loteria, pilotos escapando o tempo todo, a chance de sair da pista e bater é grande”.

O novo bicampeão admitiu que teve acessos de insônia na madrugada que antecedeu o GP Crystal, etapa decisiva da temporada. “Foi preocupação com a chuva. Antes da corrida eu tomei uma decisão errada, pedi à equipe que endurecesse o meu caminhão, porque poderia secar a pista, mas choveu de novo e ficou muito difícil guiar. Eu relarguei mal, cometi erros, saí da pista, foi tudo muito complicado. No fim deu tudo certo”, aliviou-se.

Giaffone cumprimentou o companheiro de equipe pelo título. “Ele mereceu mesmo ganhar o campeonato. Eu que se eu ganhasse o campeonato não seria justo, por tudo que ele fez, embora eu até quisesse essa ‘injustiça’ se fosse para o meu lado”, declarou, em tom de bom-humor. “Mas foi justo, sim, e o título está em boas mãos. Ele foi campeão ganhando seis corridas, ninguém deve perder um campeonato depois de conquistar tudo isso”.

O nível de competitividade da RM Competições deixa Giaffone satisfeito. “Eu estaria superconformado por perder o título ganhando a corrida, e tinha a chance de ganhar, mas prefiro quebrar na liderança que em outra posição. Se quebrei na liderança é porque está bom e isso nos dá muito ânimo para o ano que vem. Já temos um caminhão bem acertadinho, agora é focar o próximo campeonato e trabalhar para disputar o título mais uma vez”, disse.

Cirino, que comemorou sua 24ª vitória na Fórmula Truck, manteve a série de vitórias da Mercedes-Benz em todas as temporadas, sequência a que ele próprio deu início quando levou um caminhão da marca ao topo do pódio pela primeira vez, em 2001, em Curitiba. O resultado do GP Crystal ratificou o terceiro lugar do paranaense na classificação do campeonato. “Com o recurso que tivemos neste ano, é um resultado excelente”, considerou.

O vencedor da etapa goiana frisou a etapa difícil. “Todo piloto precisa de sorte para vencer. Hoje eu tive um caminhão bom e também tive sorte. Quando a chuva apertou ficou escorregadio para todos e o segredo seria errar o menos possível. Choveu forte no fim, mas eu já tinha conseguido uma vantagem boa. Agora vamos trabalhar para ter, em 2015, o apoio que a Mercedes-Benz nos deu todas as vezes que fomos campeões”, finalizou.



As seis vitórias de Totti no campeonato de 2014 igualam o recorde da Fórmula Truck em uma mesma temporada desde que as etapas passaram a compreender uma única corrida, em 2001. Repete-se a marca que ele próprio alcançou com as seis vitórias que marcaram seu título em 2012 – Roberval Andrade, quando foi bicampeão em 2010, ganhou cinco etapas, número que seria repetido por Felipe Giaffone quando chegou ao tricampeonato em 2011.

GP CRYSTAL – RESULTADO FINAL

(Classificação da 10ª etapa após 24 voltas)

1º) Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), ABF-Santos Desenvolvimento, 1h02min06s418
2º) Leandro Totti (PR/Volkswagen), RM Competições, a 1s787
3º) Roberval Andrade (SP/Scania), Ticket Car-Corinthians Motorsport, a 6s492
4º) Beto Monteiro (PE/Iveco), Scuderia Iveco, a 23s100
5º) Gustavo Magnabosco (SC/Volvo), ABF Motorsport, a  23s905
6º) André Marques (SP/Volkswagen), RM Competições, a 24s631
7º) Adalberto Jardim (SP/Volkswagen), RM Competições, a 25s639
8º) David Muffato (PR/Ford), DF Racing Fans, a 38s569
9º) Rogério Castro (GO/Mercedes-Benz), ABF Desenvolvimento Team, a 50s755
10º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão, a 51s931
11º) Jansen Bueno (PR/Scania), Muffatão, a 1min01s010
12º) João Marcos Maistro (PR/Volvo), Copacol Clay Truck Racing, a 1min14s148
13º) Paulo Salustiano (SP/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 1min16s317
14º) Débora Rodrigues (SP/Volkswagen), RM Competições, a 1min24s131
15º) Raijan Mascarello (MT/Ford), DF Racing Fans, a 1min46s151
16º) Luiz Lopes (SP/Iveco), Lucar Motorsports, a 1min59s731
17º) José Maria Reis (GO/Ford), Original Reis Competições, a 2 voltas
18º) Diogo Pachenki (PR/Volvo), Copacol Clay Truck Racing, a 5 voltas
19º) Jaidson Zini (SP/Iveco), Dakarmotors, a 5 voltas

NÃO COMPLETARAM

Leandro Reis (GO/Ford), Original Reis Competições, a 10 voltas
Felipe Giaffone (SP/MAN), RM Competições, a 15 voltas
Geraldo Piquet (DF/Mercedes-Benz), ABF-Santos Desenvolvimento, a 15 voltas
Djalma Fogaça (SP/Ford), DF Racing Fans, a 21 voltas
Valmir Benavides (PR/Iveco), Scuderia Iveco, a 21 voltas
Danilo Dirani (SP/Scania), Ticket Car-Corinthians Motorsport, a 22 voltas
Marcello Cesquim (PR/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 24 voltas
Melhor volta: Giaffone, na 3ª, 1min50s698, média de 124,717 km/h

CLASSIFICAÇÃO DA FÓRMULA TRUCK
(Pontuação final do Campeonato Brasileiro de 2014)
1º) Leandro Totti, 228
2º) Felipe Giaffone, 184
3º) Wellington Cirino, 171
4º) Roberval Andrade, 125
5º) Geraldo Piquet, 95
5º) André Marques, 95
7º) Beto Monteiro, 82
8º) Paulo Salustiano, 75
9º) Adalberto Jardim, 59
10º) Danilo Dirani, 55
11º) Marcello Cesquim, 46
12º) Diogo Pachenki, 34
13º) Jansen Bueno, 33
14º) Gustavo Magnabosco, 28
14º) Valmir Benavides, 28
16º) Raijan Mascarello, 19
16º) Débora Rodrigues, 19
16º) David Muffato, 19
19º) João Maistro, 17
20º) Djalma Fogaça, 14
21º) Pedro Muffato, 13
22º) Luiz Lopes, 12
23º) Ronaldo Kastropil, 11
23º) Leandro Reis, 11
25º) Michelle de Jesus, 7
26º) Rogério Castro, 6
27º) Jaidson Zini, 3

Marcas
1º) MAN, 456
2º) Mercedes-Benz, 335
3º) Scania, 207
4º) Iveco, 112
5º) Volvo, 104
6º) Ford, 62





















Fórmula Truck

Ricardo Drubscky espera definir nos próximos dias se continua no Goiás

''Ele está ruim e internado. Segue acompanhado por infectologistas, que tentam controlar as febres e dores com hidratação'', explicou o médico do Goiás (Foto Arena/Geraldo Bubniak)
Arena - Geraldo Bubniak


Campeonato Brasileiro Série A 2014 - Após encerrar a participação na Série A com vitória, técnico espera desfecho rápido para sua situação: "Já conversamos sobre elenco, possíveis reforços, base salarial"

Terminada a Série A, enfim Goiás e Ricardo Drubscky irão se reunir para discutir uma possível permanência do técnico para 2015. Os próximos dias serão decisivos, já que Sergio Rassi, presidente esmeraldinno, quer definir a situação o mais rápido possível.

Após a vitória de 4 a 2 sobre a Chapecoense, no Serra Dourada, Drubscky revelou já ter tido conversas preliminares com a diretoria do Alviverde. O comandante não deu maiores detalhes, mas mostrou interesse em continuar à frente da equipe.

- Vamos resolver essa questão muito em breve. Já conversamos sobre elenco, possíveis reforços, base salarial, mas ainda falta concretizar tudo - afirmou Drubscky.

Com o triunfo diante da Chape, o Goiás foi a 47 pontos e terminou o Brasileirão na 12ª colocação. Além disso, quebrou jejum de vitórias, já que vinha de quatro derrotas consecutivas - para Internacional, Corinthians, Cruzeiro e Atlético-PR.

Além da situação de Ricardo Drubscky, outros jogadores também ainda discutem uma possível renovação de contrato. São eles: Jackson, Amaral, David e Samuel.
















GE - Goiânia-GO

Revelação da Série A, Erik vibra com mais dois gols e atuação no Cartola

Reprodução - SporTV



Campeonato Brasileiro Série A 2014 - Eleito como principal jovem do Brasileirão, atacante de 20 anos encerra a temporada como artilheiro do Goiás e exalta desempenho no game: "Fiz uns pontinhos bons, né?"

Revelação da Série A. Artilheiro do Goiás na competição e na temporada com 12 e 17 gols, respectivamente. Erik tem muito o que comemorar em 2014. Na tarde deste domingo, o atacante balançou a rede duas vezes, foi decisivo na vitória por 4 a 2 sobre a Chapecoense no último jogo do ano e, de quebra, ainda arranjou outro feito a ser exaltado: sua própria atuação no Cartola.

- Fechei o ano bem e ainda tem esse game, que é muito conhecido por todos os torcedores. Fico feliz. Acho que fiz uns pontinhos bons, né? Todos os companheiros me ajudaram. Foram mais dois gols muito importantes para minha carreira. Espero que 2015 seja melhor ainda. Minha família estava aqui, apontei para eles, minha noiva também. Foi um dia muito especial.
Promovido ao elenco profissional do Goiás em 2013 após brilhar no vice-campeonato da Copa São Paulo, Erik chegou a ser titular no Brasileirão passado, mas foi só em 2014 que se firmou de vez e impressionou pelo bom desempenho. Aos 20 anos, o jogador se orgulha da ainda breve carreira.

- Está sendo um ano especial individualmente. Um ano mágico para mim. É muito bom e fico feliz demais. Não esperava, mas as coisas foram acontecendo. Venho trabalhando firme no dia a dia e as coisas deram certo. Que pena que não ficamos melhor colocados, mas estou feliz pelos gols importantes e por ter ajudado o Goiás a fechar o ano com uma vitória.

Ainda que o contrato com o Goiás seja até 2018, Erik não tem permanência garantida na próxima temporada. O clube já recebeu propostas oficiais pelo jogador e admite vendê-lo, assim como também deve acontecer com Thiago Mendes. A pedida inicial é de 4 milhões de dólares.





















GE - Goiânia-GO

Indique Nosso Site
 
©Desde Fevereiro de 2012Eu Sou Goiás
O Site do Torcedor Esmeraldino