Notícia
Carregando...

Verdão bate o Crac e segue na liderança do Goianão



O Goiás bateu o Crac por 1 a 0, no estádio Hailé Pinheiro e manteve a liderança isolada do grupo A do Campeonato Goiano, agora com 26 pontos. A jogada do gol esmeraldino nasceu dos pés de Cassiano, o atacante havia acabado de entrar quando recebeu na ponta esquerda e fez o cruzamento, Levi, do time do Crac, tentou cortar e jogou contra o próprio gol.

O Verdão mantém sua invencibilidade no estádio Hailé Pinheiro – agora são 27 jogos, e também atuando no horário matutino, desde 2015 o Maior do Centro-Oeste jogou pela manhã em seis oportunidades, contando a deste domingo, venceu quatro e empatou duas.

Na próxima rodada do Campeonato Goiano o Goiás terá folga, o Verdão volta aos gramados no próximo domingo, às 16h, contra o Itumbiara, novamente no estádio Hailé Pinheiro.

O jogo
O Goiás começou a partida pressionando o Crac, tanto que, com menos de cinco minutos o Verdão já havia chegado com perigo em duas oportunidades. Na primeira, Jhonatan foi acionado na ponta direita, o lateral carregou, cortou para o meio e finalizou de perna esquerda, a bola passou rente a trave de Gilberto. No lance seguinte Rafhael Lucas lançou Carlos Eduardo na direita, ele também trouxe a bola para a perna esquerda e bateu, mas para fora.

O goleiro Renan seguiu sem ter trabalho efetivo na partida. Aos 27 minutos, depois de bola recuada por João Paulo para Gilberto, Rafhael Lucas pressionou o arqueiro adversário e chegou a tocar na bola, mas não o suficiente para empurrar para o fundo das redes.

Em um rápido contra-ataque alviverde, Carlos Eduardo foi acionado na direita e arriscou da intermediária, a bola passou a direita de Gilberto. O último lance de perigo do primeiro tempo também foi esmeraldino, Arthur cobrou escanteio da direita, Cléo subiu mais que a defesa do Crac e testou, mas a bola se perdeu pela linha de fundo.

Os chutes de média distância continuaram sendo uma arma utilizada pelo Maior do Centro-Oeste, no início do segundo tempo foi a vez de Arthur arriscar, mas também não acertou a meta de Gilberto.

Segundo Tempo
A pressão esmeraldina aumentou com o decorrer da etapa final, o Crac ficou encurralado em seu campo, apostando exclusivamente em contra-ataques, que não foram bem sucedidos. O Verdão seguiu em cima dos visitantes, Jhonatan tabelou com Cléo, invadiu a área e soltou a bomba, Gilberto defendeu.

Rafhael Lucas recebeu no meio e observou a ultrapassagem de Juninho, o camisa 6 recebeu a bola e bateu cruzado, Gilberto conseguiu defender.

Aos 29 minutos o Verdão conseguiu furar o bloqueio do Crac. Cassiano, que havia acabado de entrar em lugar de Cléo, recebeu na ponta esquerda e fez o cruzamento, Levi tentou cortar de cabeça e acabou mandando a bola contra o próprio gol, 1 a 0 Goiás.

Três minutos depois o time esmeraldino quase ampliou, Carlos Eduardo arrancou pelo meio e arriscou da entrada da área, a bola passou rente ao travessão de Gilberto. Em desvantagem, o Crac se lançou um pouco mais ao ataque e João Paulo teve a melhor chance para os visitantes, a bola sobrou livre para ele dentro da grande área, ele arrematou por cima do gol de Renan.

O Verdão controlou os minutos finais do confronto e garantiu mais uma vitória dentro de sua casa. 

Ficha Técnica
Goiás 1 X 0 CRAC

Local: Estádio Hailé Pinheiro - Goiânia - GO

Data: 27/03/2016  

Horário: 10h00  

Árbitro: Jefferson Ferreira 

Assistentes: Cleyton Pereira e Christian Passos

Gol do Goiás: Levi (contra) aos 27 Minutos 2º Tempo

Cartão Amarelo CRAC : Bigu

Goiás: Renan; Johnathan (Sueliton), Anderson Salles, Felipe Macedo e Juninho; Ramires, Patrick e Arthur (Thalles); Carlos Eduardo, Cléo (Cassiano) e Rafhael Lucas.

Técnico: Enderson Moreira

CRAC: Gilberto; Maicon, João Paulo, Fábio Silva e Wesley Bigu, Levi (Tremonti), Dê e Léo Franco; Henrique Dias (Carlos André) (Bruno Limão), Dimba e Ademir.

Técnico: Júlio Sérgio 












Goiás Esporte Clube
Foto: Rosiron Rodrigues
Partilhar no Google+

Eu Sou Goiás

Postar um comentário