Julinho comemora grande atuação coletiva em primeira vitória no Goiás | Eu Sou Goiás
Notícia
Carregando...

Julinho comemora grande atuação coletiva em primeira vitória no Goiás

Julinho Camargo, técnico do Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)


Após seis jogos, treinador conquista primeiro resultado positivo no time esmeraldino e diz que todos os setores foram bem contra o São Paulo: "Tudo foi muito justo"

Demorou, mas chegou. Após três derrotas e três empates, o técnico Julinho Camargo finalmente conquistou a primeira vitória à frente do Goiás. E foi de maneira surpreendente. Neste sábado, o Verdão fez 3 a 0 no São Paulo, fora de casa, e ganhou novo ânimo na luta contra o rebaixamento. Após a partida, o treinador esmeraldino destacou a atuação impecável da equipe, que foi bem em todos os setores.

- Foi uma grande atuação, em todos os setores, e começando pelo goleiro. O Renan fez duas grandes defesas quando ainda estava 1 a 0 para nós. Um gol do São Paulo poderia ter mudado a cara da partida. Tivemos ótima atuação na defesa, no meio-campo, na ligação com o ataque e também de nossos atacantes, finalizando e atuando muito bem. Tudo foi muito justo – afirmou Julinho Camargo.

O técnico do Goiás promoveu o retornou de David, que, segundo ele, estava desgastado contra a Chapecoense. O escolhido para sair da equipe titular foi Bruno Henrique. Para Julinho Camargo, é preciso saber usar todos os jogadores e quem esteve em campo entendeu o que foi pedido.

- Foi uma apresentação muito boa. A gente combinou de fazer um trabalho com compactação. Tivemos o entendimento de que o São Paulo, como um dos times mais técnicos, poderia ser muito envolvente com a posse de bola. Não poderíamos dar espaços. Entendemos isso, fizemos três gols e tivemos mais três, quatro, cinco chances. Foi muito importante o retorno do David. Entendemos que era importante fazer a mudança contra a Chapecoense e hoje ele retornou muito bem. Estou feliz, espero dar prosseguimento para sair do Z-4.




GE - São Paulo SP
Partilhar no Google+

Eu Sou Goiás

Postar um comentário