Notícia
Carregando...

No estádio do Palmeiras, Goiás vence por 1 a 0



Muito aplicado taticamente, o Goiás se defendeu com qualidade, foi mortal no contra-ataque e venceu o Palmeiras por 1 a 0, com gol de Péricles, no Allianz Parque. O Verdão contou com uma ótima postura tática e com as boas defesas de Renan para garantir o primeiro tempo sem gols. Na segunda etapa, em uma boa jogada individual de Bruno Henrique, Péricles entrou na área para definir a partida. Com o resultado o Goiás chegou aos sete pontos e ocupa momentaneamente a liderança do Campeonato Brasileiro.

O Maior do Centro-Oeste volta suas atenções agora para a Copa do Brasil, na quarta-feira o Verdão encara o Ituano, no estádio Serra Dourada, às 19h30, no jogo de volta da terceira fase do torneio nacional.

O jogo
A partida começou em um ritmo intenso, apesar do horário do confronto. Os donos da casa chegaram primeiro, Vitor Hugo aproveitou a bola parada e testou no canto, Renan fez boa defesa. O Goiás também respondeu com a bola parada, Rafael Forster cobrou falta da direita, no rebote Arthur emendou da intermediária, Fernando Prass fez a intervenção.

Renan apareceu mais uma vez muito bem, Zé Roberto lançou Leandro Pereira, ele tentou bater na saída do arqueiro esmeraldino, que defendeu com precisão. O camisa 1 teve que sair aos pés de Leandro quando ele foi acionado em velocidade já dentro da área, mais uma intervenção do goleiro do Goiás.

O Verdão filtrava bem as investidas ofensivas do Palmeiras e passou e ocupar mais o campo de ataque nos minutos finais do primeiro tempo. Na melhor oportunidade esmeraldina, Erik se livrou de um marcador e passou para Bruno Henrique, o camisa 9 dividiu com Fernando Prass que saiu aos seus pés. O Palmeiras voltou a pressionar no final da etapa inicial, mas o Goiás se segurou bem.

Segundo Tempo
Quem chegou primeiro na segunda etapa foi o Goiás, depois de um bate rebate a bola sobrou para Arthur, o camisa 10 bateu, mas carimbou a zaga palestrina. Depois disso o Palmeiras pressionou muito o Goiás que, muito bem postado defensivamente, suportou bem as investidas paulistas.

Em cruzamento da esquerda o Verdão chegou mais uma vez com perigo, a bola se apresentou para o zagueiro Alex Alves, que se jogou na redonda, mas ela subiu muito e passou por cima da meta de Prass.

O Goiás cresceu e quase abriu o placar, Fernando Prass tentou sair jogando, Bruno Henrique tomou a bola dele, invadiu a área, driblou um marcador e bateu para o gol sem goleiro, mas a zaga conseguiu desviar para escanteio.

O Palmeiras abusou durante todo o confronto das jogadas aéreas e em uma delas Cristaldo cabeceou, a bola bateu na trave esquerda de Renan. A resposta do Goiás veio com Bruno Henrique, ele recebeu na direita, cortou para o meio e bateu de canhota, Prass defendeu.

Aos 30 o Goiás abriu o placar, Bruno Henrique fez linda jogada individual, driblou Fernando Prass e rolou para Péricles, o camisa 7, que é jogador da base esmeraldina, empurrou para as redes, 1 a 0 Verdão.


Na comemoração Bruno Henrique se dirigiu a torcida esmeraldina que estava no Allianz Parque, como subiu a escada que leva a arquibancada levou o segundo cartão amarelo e foi expulso. Renan fez linda defesa em chute rasteiro de Alan Patrick, já aos 38 da etapa final. O Goiás segurou o resultado e garantiu sua segunda vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro.

Ficha Técnica

Palmeiras-SP 0 x 1 Goiás

Local: Arena Allianz Parque - São Paulo-SP

Data: 24/05/2015

Horário: 11h00 

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique-PE 

Auxiliares: Guilherme Dias Camilo-MG e Clóvis Amaral da Silva-PE

Público: 37.731 pagantes

Renda: 2.410.600 reais

Cartões Amarelos Palmeiras-SP: Valdivia; Victor Ramos, Leandro Pereira, Lucas, Leandro e Kelvin.

Cartões Amarelos Goiás: Rafael Foster, Wesley, Bruno Henrique, Péricles e William Kozlowski.

Cartão Vermelho Palmeiras-SP: Victor Ramos 

Cartão Vermelho Goiás: Bruno Henrique 

Palmeiras-SP: Fernando Prass; Lucas, Vitor Hugo, Victor Ramos e Egídio; Gabriel (Alan Patrick), Robinho, Zé Roberto (Leandro) e Valdívia; Leandro Pereira (Cristaldo).

Técnico: Oswaldo de Oliveira

Goiás: Renan; Éverton, Felipe Macedo, Alex Alves e Rafael Foster; Rodrigo, Patrick, Péricles (William Kozlowski) e Arthur (Robert); Bruno Henrique e Érik (Wesley).

Técnico: Hélio dos Anjos








Goiás Esporte Clube
Partilhar no Google+

Eu Sou Goiás

Postar um comentário