Conselho Técnico define o Goianão 2015 | Eu Sou Goiás
Notícia
Carregando...

Conselho Técnico define o Goianão 2015

Divulgação - FGF



Campeonato Goiano 2015 - Foi realizada nesta sexta-feira, dia 21 de novembro, a reunião do Conselho Técnico do Goianão 2015 no salão Estrela D’alva do Alphapark Hotel no Residencial Flamboyant da capital goiana. Na oportunidade foram delineadas todas as questões envolvendo a competição. 


Fórmula de Disputa


O Goianão 2015 será disputado pelos dez times que o integram: Atlético, Goiás, Anapolina, Goianésia, Trindade, Aparecidense, Crac, Grêmio Anápolis, pela ordem, os oito primeiros colocados do Goianão 2014, mais Caldas Novas e Itumbiara, respectivamente campeão e vice da Divisão de Acesso 2014.


A fórmula de disputa é a mesma de 2014, por força da legislação vigente, que determina que uma fórmula de campeonato, terá que ser a mesma pelo menos num biênio, e ela foi modificada em 2014.


Na 1ª Fase, as 10 equipes ficam divididas em dois grupos de 5 times cada, jogando em 3 turnos com contagem corrida de pontos ganhos. No 1º Turno, os 5 times do grupo A enfrentam os 5 times do grupo B em 5 rodadas, 5 jogos para cada time. No 2º Turno, idem em relação ao 1º Turno, com inversão de mando de campo, mais 5 rodadas, mais 5 jogos para cada time. No 3º Turno, os jogos acontecem dentro dos respectivos grupos, mais 5 rodadas e mais 4 jogos para cada time, totalizando na 1ª Fase, 15 rodadas com 14 jogos para cada time.


Os 2 grupos formados por sorteio dirigido ficaram assim constituídos:

 
Divulgação - FGF



Classificam-se para a Fase Semifinal, 4 times, o 1º colocado de cada um dos dois grupos mais dois times por índice técnico, os dois melhores dentre os demais 8 times independente do grupo a que pertençam.


Na Fase Semifinal, 1º do A x 2º do B e 1º do B x 2º do A, desde que se classifiquem os 2 primeiros colocados de cada grupo. No entanto, se classificarem três times de um mesmo grupo, aí, neste caso, as semifinais terão 1º x 4º e 2º x 3º através da classificação geral dos quatro times semifinalistas, sendo 1º e 2º colocados respectivamente os 1º colocados dos dois grupos e 3º e 4º colocados respectivamente os dois classificados por índice técnico, ou seja, o melhor 1º colocado enfrenta o 2º dos classificados por índice técnico enquanto o 2º melhor 1º colocado joga contra o 1º dos dois classificados por índice técnico, jogos em ida e volta.


Fase Final, com os classificados da Fase Semifinal, em ida e volta, idem às edições do Goianão desde 2008.

Rebaixamento: os dois últimos colocados da 1ª Fase independente de grupo.


Definições
A data limite para protocolar inscrição de jogadores para atuar na primeira rodada do campeonato ficou fixada em 26 de janeiro de 2015, última segunda-feira antes do início do campeonato. A última data para inscrição de jogadores em todo o campeonato será até o início do 3º Turno.


A exemplo de 2014 em cada partida os clubes terão a obrigatoriedade de utilizar o número mínimo de 4 atletas com idade até 22 anos completados no ano da competição, ou seja, nascidos a partir de 01/01/93, dentre os 20 atletas que assinam súmula.


Foi aprovado por unanimidade, que os dois clubes que conquistarem vaga para o Brasileiro da Série D, classificam-se para a competição nacional tanto para 2015 quanto para 2016, ou seja, a partir de 2015, as vagas goianas, por critério técnico, para o Brasileiro da Série D, serão preenchidas através da edição do ano anterior do Goianão, possibilitando se planejar para o campeonato, seja em termos de patrocínio quanto da formação de elenco.
















FGF
Partilhar no Google+

Eu Sou Goiás

Postar um comentário