Notícia
Carregando...

Drubscky reconhece má atuação do Goiás e lamenta erros de arbitragem

Nelson Antoine - Foto Arena


Para técnico, time esmeraldino mereceu perder para o Santos, porém, gol não validado e pouco tempo de acréscimo são questionados após a partida no Pacaembu.

Ricardo Drubscky desabafou após a derrota do Goiás para o Santos por 2 a 0. O treinador não costuma reclamar da arbitragem, mas não poupou o erro neste domingo. Aos 18 minutos do segundo tempo, o meia Esquerdinha arriscou de fora da área, e a bola pingou dentro do gol, na frente do árbitro auxiliar Ricardo Marques Ribeiro. O juiz principal, Héber Roberto Lopes não validou o lance, que poderia ter mudado o cenário do jogo. Segundo o treinador esmeraldino, a derrota foi justa, mas o erro no lance é imperdoável.

- Acho que a gente não jogou bem, não fizemos um bom primeiro tempo, não finalizamos. Sofremos o segundo gol e continuamos tentando até fazer o gol que não foi validado. Não dá para entender. Do banco de reservas não dá para ver, mas depois do jogo conversei com um, com outro, e todos falaram que a bola entrou muito. Não ofendi ninguém, mas me manifestei. Lamento o que aconteceu. Além disso, o árbitro deu só dois minutos de acréscimos, sendo que tivemos várias substituições e atendimentos médicos. É um erro crasso. 

Com a segunda derrota seguida no Campeonato Brasileiro, o Goiás cai para a 13ª colocação, com 30 pontos. O time voltará a jogar pela Série A no sábado, contra o Figueirense, em Goiânia. Antes, porém, o Verdão volta suas atenções para a Copa Sul-Americana. Na quarta, o rival nas oitavas de final será o Emelec, em Guayaquil, no Equador. A delegação esmeraldina embarca de São Paulo na manhã desta segunda-feira e retorna para Goiânia na sexta.











GE - São Paulo-SP
Partilhar no Google+

Eu Sou Goiás

Postar um comentário